Dérbi em Vagos termina com empate

2021-11-25

O GD Calvão marcou um golo aos 55’. A JuveForce conseguiu igualar aos 78’, a 17’ do final da partida entre as duas equipas do concelho de Vagos.

Dérbi em Vagos termina com empate

Domingo foi dia de dérbi em Vagos com um frente-a-frente entre o GD Calvão A e a JuveForce, no Campo Padre Batista.

O jogo terminou com um empate entre as duas equipas do concelho de Vagos.

À Vagos FM, o treinador da JuveForce, Bruno Silva, considera que este “foi um jogo muito emotivo, é um dérbi local, muita gente a ver, houve muita luta de parte a parte”.

Ainda assim, Bruno Silva acredita, contudo, que “não foi um jogo muito bem jogado”.

“O fator emocional sobrepôs-se, em muitos momentos, à qualidade do jogo. Na primeira parte, o Calvão foi superior”, reconhece o treinador da Juve que afirma que a 2ª parte “já passou a ser controlo nosso”.

Bruno Silva diz que o resultado final foi ditado por dois momentos específicos que ocorreram no espaço de três minutos: um pénalti que foi anulado por um fora de jogo “que não existe” e “um pénalti de falta na nossa área que o Calvão aproveitou para inaugurar o marcador”.

“Acaba por ficar o resultado manchado”, lamentou.

A Vagos FM não conseguiu um contraditório da parte do treinador do GD Calvão, até ao momento.

Miguel Oliveira foi o responsável pelo golo do GD Calvão aos 55’ ao qual se seguiu o ponto de Daniel Rodrigues, da JuveForce, aos 78’, que veio determinar o empate a 17’ do fim da partida.

 

 

- Publicidade -

- Publicidade -

 

- Publicidade -

 

 

- Publicidade -